© 2016 - Rádio Clube do Vale - Todos os Direitos Reservados

Felício Ramuth tem habilitação suspensa após acumular multas em São José

 

O prefeito de São José dos Campos (SP), Felício Ramuth (PSDB), teve a habilitação suspensa depois de acumular multas por excesso de velocidade, estacionamento irregular e falta de licenciamento. As multas foram aplicadas entre fevereiro e agosto do ano passado.

 

A suspensão ocorre quando o motorista acumula mais de 20 pontos em infrações no período de um ano. Felício somou 29 pontos em sete multas em 2016, sendo que todas as infrações foram cometidas em vias de São José dos Campos.

Ele foi multado quatro vezes por excesso de velocidade na avenida Mário Covas. A avenida é a recordista da cidade em multas por esse tipo de infração, conforme levantamento da prefeitura.

 

O político ainda estacionou duas vezes em área de estacionamento rotativo 'zona azul' sem pagar a taxa e foi flagrado por um radar 'dedo-duro' com o veículo sem licenciamento em agosto do ano passado. O tributo consta agora como quitado.

O processo para suspensão do direito de dirigir teve início em março. Felício foi notificado pelo Detran para início do cumprimento do prazo de suspensão. Além disso, ele está com a habilitação vencida desde março.

 

O veículo de Felício, um Voyage ano 2009, soma desde 2013 - quando ele já era proprietário do automóvel - 10 multas, entre elas por excesso de velocidade e por estacionar sobre a faixa de pedestres. Nelas, ele somou 42 pontos.

 

Para retomar o direito de dirigir, ele terá que fazer um curso obrigatório de reciclagem, de 30 horas.

 

A suspensão da carteira de habilitação do político vem à tona no mesmo dia em que o jornal "Folha de S. Paulo" informou que o prefeito de São Paulo, João Doria (PSDB), teve a suspensão do direito de dirigir entre 13 de janeiro e 12 de março.

 

Outro lado

Felício Ramuth informou em nota que durante pré-campanha e campanha eleitoral quem dirigiu o veículo pessoal dele foi um motorista. "Não fiz a indicação do condutor no prazo previsto. Desde então, não dirijo mais", disse o prefeito.

 

Questionado pelo G1 se ingressou com recurso no processo e sobre o curso de reciclagem para poder voltar a dirigir, o político disse que vai cumprir o que a lei determina, sendo participar do curso de reciclagem e o cumprimento da suspensão.

 

Suspensão

Em São José dos Campos, no ano passado, 5,8 mil motoristas iniciaram o cumprimento da suspensão do direito de dirigir.

 

 

Comparthe no Facebook
Compartilhe no Twitter
Please reload

Últimas Notícias
Please reload