Tempestade alaga Fundo do Vale e ruas da região central e sudeste de São José dos Campos


Uma forte pancada de chuva provocou estragos e causou transtornos, na tarde desta quarta-feira (29), em São José dos Campos. As regiões mais afetadas foram a central e sudeste.


A chuva começou por volta das 16h, com ventos fortes e queda de granizo. Ainda não há registro de feridos, mas carros ficaram submersos e houve registro de quedas de árvores.


O Córrego ‘Vidoca’ transbordou no Fundo do Vale, em um trecho próximo ao Paço Municipal. Por volta das 17h30, a água já havia baixado e os veículos trafegavam pela via.


A chuva também causou transtornos no Paço Municipal, atingiu o 7° andar e foi descendo pelas escadas e pelo elevador privativo, utilizado só por autoridades e chefias.


Ruas da região central ficaram alagadas. A avenida Dr. Nelson D'ávila registrou vários pontos de alagamento. Assim como o calçadão da Rua 7 de Setembro e a rua Vilaça.


Também houveram registros de alagamentos na Avenida Juscelino Kubitschek, próximo a Rede de Lojas da Havan, e também na Rua Itoró, em frente ao mercado Piratininga.


Os shoppings Vale Sul e CenterVale, registraram 'vazamentos' no teto, em decorrência da chuva. No Shopping CenterVale parte da estrutura do teto chegou a cair. Ninguém se feriu.


A prefeitura informou que atendeu cerca de 60 ocorrências relacionadas à chuva até o início da manhã e que o trabalho irá prosseguir ao longo do dia.


O temporal foi rápido, mas causou muitos estragos. Segundo o Centro Nacional de Monitoramento e Alertas de Desastres Naturais (Cemaden), foram 41,9 mm de chuva em um espaço curto de tempo, cerca de uma hora.


A única ocorrência envolvendo uma vítima aconteceu na Rua Santa Clara, na região central da cidade. Um homem precisou ser carregado após o carro onde ele estava ficar preso no alagamento. Ele não se feriu e recebeu ajuda de moradores do local.