Mulher é presa suspeita de oferecer a filha para serviços sexuais em Paraibuna


Na tarde da última terça-feira, 1 de fevereiro, uma mulher de 35 anos foi presa em Paraibuna/SP, suspeita de oferecer a própria filha de 14 anos de idade para prostituição e exploração sexual. A denúncia foi feita na última segunda (31).


A Polícia Civil que investiga o caso teve acesso a conversas em redes sociais em que a mãe diz que estava ensinando atos sexuais para sua filha. Também foi encontrada mensagens onde ela oferece a filha para homens cobrando certos valores para prática de tal ato.


Ela foi enquadrada no crime de favorecimento da prostituição ou de outra forma de exploração sexual de adolescente, foi detida em prisão temporária para proteção da adolescente, até a conclusão das investigações, que estão em andamento.