Justiça aceita denúncia contra homem acusado de matar companheira em São José dos Campos


A Justiça aceitou denúncia contra um homem acusado de matar a companheira, de 35 anos, em São José dos Campos, em 2019. Na época, o suspeito afirmou que a vítima havia cometido suicídio.


A vítima é Luciana Donizetti Rodrigues, 35 anos. A morte ocorreu na Vila Maria, zona norte de São José dos Campos.


A versão de J.S.R, 33 anos, foi desmentida pela Polícia Civil, que colheu elementos que apontavam que o casal brigava constantemente.


Um dos primeiros indícios foi que policiais militares no local do crime diziam que o suspeito “dava uns gritos forçados de desespero, e ao mesmo tempo ingeria cerveja”. No dia seguinte ao crime, o suspeito teria sido visto em um forró.


A partir daí, a investigação encontrou mais indícios de que Luciana não havia cometido suicídio. Testemunhas relataram que a vítima estava disposta a se separar do réu, que não teria aceitado.


A polícia tentou localizar o suspeito dias após o crime, mas não o encontrou. Então, os policiais civis receberam informações de que J.S.R estava preso na Grande São Paulo, por ter agredido a própria mãe.


O Ministério Público do Estado de São Paulo (MPSP) condenou o homem pelo crime de Feminicídio qualificado. O réu encontra-se preso. Ele nega as acusações.


Fonte: Band Vale (texto copiado na íntegra)