Homem é preso após estrangular ex-companheira em São José dos Campos e abandonar corpo em Caçapava


A Polícia Civil prendeu um homem de 52 anos, que confessou durante o seu depoimento na delegacia ter estrangulado até a morte sua ex-companheira.


A vítima de 36 anos foi encontrada morta na noite de terça-feira, 19 de abril, dentro do próprio carro, entre os bancos dianteiros com uma corda no pescoço, no bairro Vila Paraiso em Caçapava.


O homem disse que o crime ocorreu em São José dos Campos, na residência da vítima, no bairro Jardim da Granja, e ele conduziu o veículo até Caçapava, retornado de ônibus para São José dos Campos. E que a corda foi colocada na tentativa de dificultar o esclarecimento do caso.


Ainda segundo o homem, a vítima de 36 anos decidiu encerrar o namoro, após três anos de relacionamento, e estava se relacionando com outro homem. Quando ele soube, teria ido conversar com ela e tiveram uma discussão por ciúme dele, e ela teria o atacado com uma faca, e para se defender, ele a agarrou pelo pescoço com a corda.


O caso foi registrado como feminicÍdio, o autor permanece preso a disposição da justiça.