top of page

'Arrastão' em prédio na avenida Nelson D’ávila em São José dos Campos deixa prejuízo de até R$ 200 mil


Um 'arrastão' ocorreu na madrugada de domingo, 30 de junho, em salas comerciais do edifício Eco Tower, localizado na avenida Nelson D’ávila, no centro de São José dos Campos. Um vigilante de 42 anos é suspeito do crime, conforme relatado pelo supervisor da empresa de segurança à delegacia. O prejuízo em uma das salas foi de R$ 200 mil. Empresários e profissionais liberais que possuem salas no edifício também compareceram à delegacia para relatar os furtos.


Um dos afetados foi um advogado de 46 anos, que teve a chave de ignição de seu veículo Honda/Fit DX Flex furtada, além de R$ 19.580,00 em dinheiro e um par de alianças de ouro de sua sala. Outra vítima, uma empresária de 29 anos, teve sua sala arrombada e diversos itens roubados, incluindo um MacBook, 13 celulares de diferentes modelos, mouses e microfones sem fio.


Outro empresário, de 32 anos, relatou o furto de um notebook, R$ 13.000 em dinheiro, cestas básicas e acessórios de smartphones. Uma empresária de 26 anos teve uma furadeira Bosch avaliada em R$ 350 furtada, observando sinais prévios de intrusão em sua sala.


Diante dos furtos, os empresários e profissionais liberais do edifício iniciaram medidas para reforçar a segurança, incluindo reparos nas portas danificadas, o que dificultou a perícia técnica. No local, foram encontradas ferramentas como chave de fenda e pé de cabra utilizadas nos arrombamentos.


Os registros dos furtos serão investigados, e novas vítimas devem procurar a delegacia para registrar prejuízos, fornecendo informações adicionais como notas fiscais e imagens relevantes.

留言


bottom of page